Da imaginação à realidade

22 mar

Série: Once Upon a Time
Episódio: #16 –  Heart of Darkness
Temporada: 1ª
Canal de Exibição: ABC
Spoilers: Especulações
Estrelas: 2,5 em 5

O que seria da realidade sem um toque de ficção? Em Once Upon a Time, a questão sempre foi além disso.  Mas, pela primeira vez em Storybrook, a ficção se misturou diretamente à realidade… ou quase isso!

Em Heart of Darkness, a série aposta em Rousseau para provar que a maldade não é natural ao ser humano. Eventos a trazem a tona. “O mal não nasce, ele é feito”, como relembra Rumplestiltskin. Nesse episódio, Branca de Neve desperta seu lado negro após ter tomado a poção que a fez esquecer-se do Príncipe Encantado. Ou, indo além, um coração partido pode trazer o que há de pior em você.

David continua buscando respostas para entender o que aconteceu com Kathryn e tentar se convencer de que Mary Margaret não é culpada. Por causa de seus lapsos de memórias, ele procura o psicólogo da cidade. Em uma regressão, as lembranças se confundem. David vê Branca de Neve querendo matar a Rainha Má e, em sua mente, aquilo se torna a prova de que Mary Margaret esteve envolvida na morte de Kathryn.

Aqui surge a questão: até que ponto a série irá desenvolver essa percepção da fantasia nos personagens de Storybrook? No mínimo, interessante. No demais, nem tanto assim. Nos dois universos a guerra foi declarada. Nos contos de fada, é a vez de Branca de Neve ir a encontro do Príncipe, que foi sequestrado pelo Rei George. Para isso, terá a ajuda dos Sete Anões. Em Storybrook, Emma se colocou do lado de Mary Margaret. Apesar de ser xerife da cidade, e precisar agir de acordo com o que as provas apontam, ela se unirá a Mr. Gold para tentar desvendar os planos de Reginal Mills.

Detalhes que me fizeram feliz: o Grilo Falante tão bem feitinho, com seus gestos e voz, numa série que até então só me dava desgosto em relação a efeitos especiais. A cena em que Branca de Neve retorna aos anões também é emocionante, Zangado foi um personagem bem colocado nesse episódio. E, no desfecho do episódio, a poção do amor foi uma bela sacada: o amor verdadeiro existe (e logo mais disponível no boticário mais próximo de você! – brinks).

Enfim, já passamos do meio da série e estava mais que na hora dos episódios se encaminharem para algo grandioso. A ‘guerra’ parece ser a deixa para um grande acontecimento. Em resumo: um episódio nem tão chato, mas nada excitante. Espero mais de um cliffhanger para o fim da temporada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: