Pé no saco

24 fev

Série: House
Episódio: #13 – Man of the House
Temporada: 8ª
Exibido em: 20/02/2012
Canal de Exibição: House
Spoilers: Sim
Estrelas:  3 em 5

Não se preocupem, o título é só uma brincadeira com o caso da semana. Apesar do modo morno de House não me agradar, há coisas piores.

Nesta semana, a equipe do médico ranzinza trabalhou no caso de um palestrante com pouco testosterona no corpo. Joe costumava ser um macho man, tomou uma surra – e várias joelhadas naquele lugar que vocês estão imaginando -, começou a fazer palestras de orgulhar qualquer feminista, mas agora está doente pela falta de hormônio e glutén. O caso foi interessante e gerou bons diálogos entre House e a equipe.

Enquanto o caso não era solucionado no último minuto do episódio, o nefrologista tentou provar para o Serviço de Imigração Americano que Dominka  – prostituta com a qual ele casou na temporada passada – era de fato sua esposa. A história ironiza o nome do episódio, já que House perdeu o controle da própria casa e vai ter que viver com a mulher por no mínimo 6 meses.

Difícil imaginar – e preocupante – o desfecho se apostarem nessa abordagem, já que House deu alguns indícios de se interessar por esse novo status de “casado-de-mentirinha-vivendo-juntos”. É arriscado um novo envolvimento amoroso quando a história com Cuddy ainda é tão recente e mal resolvida. Não é questão de desejar a solterice eterna de House, só precisam desenvolver muito essa história para que ela seja digna de um desfecho da série. Se for somente mais um alívio cômico, ok! A minha aposta ainda é num romance/envolvimento filler e no final trágico do médico.

Além do empenho em ajudar a ucraniana a permanecer na terra do tio Sam, House coloca a equipe para lutar por uma vaga de liderança. Está aí outra explicação para o nome “Man of the House”, porque o chefe passa os 40 minutos sendo paparicado e disputado devido ao posto de trabalho. Ele ainda é o “cara”!

Bons diálogos e um caso interessante. Não adianta mais reclamar pelo que já foi, mas aceitar o que nos guia para o final. Não está ruim, mas não é possível dizer que é o melhor que podem fazer.

Confira a promo do próximo episódio, que traz de volta a atriz Diane Baker como mãe de House:

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: