Toda forma de amor…

15 fev

Série: Glee
Episódio: #13 – Heart
Temporada: 3ª
Exibido em: 14/02/2012
Canal de Exibição: Fox
Spoilers: Sim
Estrelas:  4.5 em 5

Romântico, engraçado, irônico e justo. O episódio dessa semana de Glee é um dos meus favoritos da série até agora. Cheio de continuidade e surpresa, a maioria dos personagens teve seu momento, seja com um tão esperado beijo ou algumas falas e introdução de possível storyline para personagens esquecidos.

Brad Falchuk, um dos criadores da série e diretor de “Heart”, havia comentado no twitter que honestidade e amor eram os temas dessa semana. Ele não estava errado, talvez um pouquinho, no que diz respeito aos pais da Rachel ou ao Rory.

O episódio foi emocionante, nas apresentações musicais e nos diálogos. Serviu também para tirar más impressões. O triângulo Sam, Mercedes e Shane que parecia repeteco de furadas, se resolveu com direito a lágrimas e um cover lindo de “I will Always love you”.  Brittany e Santana que incomodavam por parecer um casal forçado saíram de vez do armário e a história ficou mais interessante quando cruzada com o personagem cristão de Samuel Larsen, o outro vencedor de The Glee Project que enfim fez seu ‘début’ na série. Certeza que o tema vai irritar algumas organizações, mas acho que a mensagem genérica de “amor é amor” foi passada de forma democrática, mesmo com as alfinetadas tanto do homossexualismo quanto do cristianismo. No fim, a série assumiu o lado que acredita. Nesses momentos é que meu respeito por Glee se mantém. Não tem em cima do muro nessa discussão, mas há o direito da oposição, como ficou bem expressado com a fala da Quinn.

Enfim conhecemos os pais da Rachel, vividos por Jeff Goldblum e Brian Stokes Mitchell. Por mim, já são fixos. Foram ótimos, melhores do que eu esperava. Engraçados e em clima de romance. Muito bacana ver um casal homossexual mais velho na série e a dinâmica com a Rachel. Toda a cena do jantar é cômica, e com a briga do cocô em seguida, arrancou mais lágrimas – de risada.

A introdução de Leroy e Hiram é mais uma continuidade no noivado suspeito entre Finn e Rachel, que também saíram do armário não só para a família, mas para os colegas de coral que estão divididos entre “Não, seus malucos” e “Sim, super concordo”.

O amor não tem gênero, cor ou idade nessa semana em Glee. Ele traz felicidade, tristeza ou decisões precipitadas. Além disso, ele nos garantiu um excelente episódio. Agregue a tudo isso uma discreta e bonita dedicação à Whitney Houston no final, e fui conquistada.

Meu 4.5 de crítica é justificado só pelas músicas, que poderiam ter sido mais bem escolhidas já que o tema era “as melhores músicas românticas de todos os tempos”. Porém, as apresentações ficaram muito boas.

Agora prepare seu coração que semana que vem tem Regionals. E a promo está uma BOMBA! Acompanhe:

Uma resposta to “Toda forma de amor…”

  1. Sthé 15 de fevereiro de 2012 às 12:09 #

    Adorei sua critica Giu! Temos opniões parecidas!

    Beijos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: