Quando dá certo inovar…

8 mar

Série: House
Episódio: #15 – Bombshells
Temporada:
Canal de Exibição: Fox
Estrelas:5 em 5

Demorei 45 minutos para começar a escrever esse texto. Refletindo, e até mesmo voltando algumas partes de House, para analisar melhor o que escrever.

Bombshells fez bastante barulho semana passada. As fotos prévias à transmissão do episódio eram interessantes, e em diversos sites anunciaram que essa terça House seria um musical – o que não é o caso. Ao ler esses ‘spoilers’ só consegui pensar que tinha tudo para ser algo super agradável, feliz e arco-íris. A gente tende a associar musicais a isso quando passa mais tempo vendo ‘Glee’ do que ‘O Fantasma da Ópera’.

A história: Um adolescente dá entrada no hospital cuspindo sangue, enquanto Cuddy descobre que está com algum problema nos rins. Notem que o episódio começou normal, com a atenção do House dividida entre ser um namorado idiota e um médico negligente. Só que o problema de Cuddy, e do paciente, se agravam. E House muda o status de idiota, para completo babaca.

Cabe então à equipe do nefrologista tentar descobrir como ajudar o garoto. E há nesse caso um envolvimento de Taub com o paciente. E, gente, nenhuma besteira! Só ficamos sabendo que Taub enfrentou dificuldades na faculdade e teve depressão,  doença que ele nota no garoto. E mais tarde, descobrimos que não é deprê não, são tendência homicídas. Aí o médico do nariz judeu entra no dilema: entrega ou não os vídeos perturbadores que furtou da casa do paciente para a polícia. Ele pede conselhos para a Masters, e bem, ela realmente não ajuda.

Explicado isso, vamos finalmente para o legal do episódio: os sonhos malucos de Cuddy e House. Eis que para expressar a insegurança de Cuddy, ou o medo de House, eles colocaram os dois para contracenar em séries famosas como “Two and a half man”, “The Walking Dead” e “Bonnie & Clyde”. Além de colocar o casal em uma cena musical maluca, digna da direção de Baz Luhrmann, cantando e dançando ‘Happy days are here again’ com as enfermeiras de Silent Hill. Todas as cenas foram muito boas, com excelentes efeitos visuais, e com o bônus de colocarem uma atriz para interpretar a Rachel, filhinha da Cuddy, mais velha.

Enfim,  depois de várias intervenções do Wilson (BORING!) e uma vez descoberto que o caso era realemente sério, o médico ranzinza aparece para dar uma força à amada. E que final bonito esse que descobrimos que não era sério o problema da Cuddy. House resolve o caso do aspirante a serial killer, Taub decide enviar os vídeos à polícia e sobe créditos…não?

Não! Você não prestou atenção nos sonhos da Cuddy, e nem ela até então. O doce na mão do House em todas as cenas é mais do que um símbolo do fato dele ser um ‘crianção’, ele estava mesmo era chapado quando tomou coragem de visitá-la. Então renasce o grande drama da série, a dependência química de House para superar a dor da perna, ou qualquer momento complicado da vida dele.

E não vou dar detalhes da última cena aqui porque ela é digna de se assistir e refletir se foi algo previsto ou necessário à temporada. O último flash que vemos de House é muito conhecido dos fãs, e bastante temido também.Uma cena em que você segura o fôlego e pensa ‘Dinovo, não’, e  até acha que não será dado esse passo na série. Mas antes mesmo de concluir essa conversa com você mesmo, acabou o episódio e você errou.

Tudo mudou agora. E, inexplicavelmente, os roteiristas surpreenderam todo mundo. Só que o drama já é conhecido, e parecia ter sido combatido. A pergunta é: será que vão conseguir trabalhar com essa ‘nova velha história’ melhor do que já foi feito na sexta temporada?

Não sei responder. Mas sentirei falta das minhas ‘velhas e frequentes’ críticas do romance ao longo da temporada. Parece que, mai uma vez, o caminho não está muito fácil para o doutor.

**Ao som de Girls Just Wanna Have Fun, Cindy Lauper**

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: